+55 11 2935-0469 / 4564-2802 / 3645-0428 / 97687-2635 Whatsapp comercial@brokercomex.com.br

As IMPRESSORAS 3D em seu mercado vêm a cada ano crescendo aproximadamente 12,5%. Segundo a Deloitte a comercialização de Impressoras 3D comerciais superará o montante de $ 2,7 bilhões em 2019 com perspectivas de ultrapassar os $ 3 bilhões em 2020. Sua utilização tanto no setor desktop quanto no setor industrial vem sendo demandada em grandes escalas.

Alguns setores já estão se beneficiando com a implantação de Impressoras 3D na produção, tais como: Construção Civil, Moda, Frascos de Perfumes (Cosméticos), Odontologia, Medicina, Educação. As diversas soluções em impressão 3D estão ampliando dia a dia, e esse fator é extremamente relevante para a conclusão que a tendência é sua presença em diversos segmentos.

No âmbito tecnológico é notado dia a dia o progresso onde são projetadas e fabricadas as Impressoras 3D cada vez mais confiáveis, precisas e rápidas com diferentes formas de modelagens, ampliando significativamente a lista de materiais que podem ser impressos/fabricados, assim substituindo algumas máquinas consideradas de ponta.

A abrangência da aplicação de impressão 3D atinge infinitas possibilidades dentre elas, moldes para fabricação, utensílios domésticos, acessórios pet, protótipos, miniaturas, carros, casas, órgãos, desse modo destacando-se nas inovações mundiais passando a fazer parte do cotidiano de muitos.

No Brasil as oportunidades são inúmeras para atuar, pois o mercado de impressão 3D é muito abrangente não se pautando em negócios empresariais, mas também nas casas dos brasileiros com o uso doméstico para fabricar peças que atendam as variadas necessidades.

As primeiras importações começaram em torno de 2010 antes era quase impossível importar uma impressora 3D pois os valores eram muito elevados com demanda pequena e segmentada, daí se fez necessária também a fabricação de impressoras 3D no Brasil.

Nesta publicação destacamos a importação de impressoras 3D onde compartilharemos um pouco de nossa expertise trazendo importantes informações para as empresas importadoras no Brasil.

 

Como importar Impressoras 3D no Brasil?

Importar Impressoras 3D aqui no Brasil requer conhecimento avançado da legislação aduaneira, tributária, fiscal e logística.

Por se tratar de um produto de tecnologia bem como por alguns aspectos de modelagem de impressão também serem fabricados no Brasil o desafio se torna grande, porém com grandes louros de recompensa quando as normas e lidas com os negócios de comércio exterior obtiverem o aproveitamento máximo das beneficies existentes.

Tecnicamente a descrição de Impressoras 3D resumidamente é: Máquinas/Equipamentos de Prototipagem rápida tridimensional nas suas diferentes áreas e dimensão de impressão e tecnologia, também são consideradas bem de capital (BK), cabendo assim a aplicação de EX-TARIFÁRIO, o que reduzirá o Imposto de Importação (II) de 14% para 0%.

A Broker Comex possui uma equipe de Consultores que farão um estudo completo da viabilidade para aplicação de EX-TARIFÁRIO, contando com equipe de técnica para a correta definição da engenharia, descrição e laudo técnico itens muito importantes no processo.

Este processo é controlado pela CAMEX/DECEX e requer procedimentos de elevado grau de conhecimento para o êxito do benefício.

Além disso uma equipe operacional e logística atuará de forma dedicada e customizada neste mercado o que diferencia muito a performance e assertividade nas operações, contemplando desde demonstrações financeiras para importação de Impressoras 3D até soluções logísticas, estratégicas e aduaneiras para redução de custos totais maximizando de forma significativa os resultados dos negócios de nossos parceiros.

Para você que quer saber mais e ser atendido pelos nossos Consultores Especialistas, contate-nos AGORA!

Este post foi útil para você?

Conte conosco,

Broker Comex!