+55 11 2935-0469 / 4564-2802 / 3645-0428 / 97687-2635 Whatsapp comercial@brokercomex.com.br

A logística é um dos pontos principais para o sucesso de distribuição de uma mercadoria ou produto de uma empresa. Com a escolha adequada do modal de transporte é possível obter redução nos custos e agilidade na entrega.

Com informações corretas sobre os modais, você conseguirá optar pelo sistema mais adequado ao seu negócio e, assim, conhecer as vantagens e desvantagens de cada um.

Para uma tomada de decisão mais assertiva, preparamos este texto com os principais modais de transporte utilizados no Brasil.

Vamos às informações?

4 principais modais de transporte de carga do Brasil

Representando cerca de 60% do custo de uma organização, o transporte é essencial para o sucesso de uma transação comercial.

Hoje, o modal ferroviário, rodoviário, aéreo e aquaviário são os principais transportes de carga utilizados no País, e garantem que as mais diversas mercadorias cheguem ao destino no horário e quantidade certos.

Saber qual é o melhor modal de transporte para o seu tipo de produto vai fazer toda a diferença na margem de lucro, além de evitar gastos com logística reversa e produtos avariados.

Você já se questionou se está usando o meio de transporte correto para a sua empresa? Então continue acompanhando o texto.

1 – Modal Rodoviário

Transporte mais utilizado no Brasil, o modal rodoviário tem baixo custo e grande alcance, porque permite o deslocamento por toda a área territorial do País.

Entre os gastos com esse tipo de modal, estão combustíveis e pedágios, embora também possam ser contabilizados os gastos com manutenção de veículos.

O modal rodoviário é indicado para transporte de produtos acabados ou semiacabados, como eletrônicos, e alimentos perecíveis, como leite, grãos e carnes.

                Vantagens:

  • Flexibilidade na rota;
  • Facilidade na contratação do transporte, como terceirizados;
  • Acessibilidade, pois a malha rodoviária alcança quase todo o território brasileiro
  • Menor burocracia para o transporte.

Desvantagens:

  • Violência nas estradas – carga pode ser roubada ou extraviada;
  • Alto custo do frete, pedágios e combustível;
  • Má conservação das rodovias em determinadas partes do País.

2 – Modal ferroviário

Indicado para cargas de grandes volumes, o modal ferroviário é um dos mais tradicionais meios de transportes do mundo.

Apresenta baixo custo, se comparado com outros modais e oferece grande escala para o transporte de mercadorias, principalmente commodities.

                Vantagens:

  • Baixo custo, já que não contabiliza pedágios e taxas de embarque;
  • Organização dos volumes, principalmente por meio de contêineres;
  • Baixo risco de acidentes.

Desvantagens:

  • Rotas sem flexibilidade;
  • Baixo custo de investimento por parte do governo.

3 – Modal aéreo

Bastante utilizado em todo o Brasil, o modal aéreo é ágil e seguro. Possui um alto volume de envio de carga de diversos portes e é escolhido para mercadorias que precisam de um cuidado maior para evitar danos, extravios ou roubos.

A infraestrutura é positiva e atende às demandas, uma vez que possuímos aeroportos capazes de lidar com o alto fluxo das cargas.

 Vantagens:

  • Menor tempo de entrega das cargas;
  • Pode chegar aos mais diversos locais em pouco tempo;
  • Não possui problemas com trânsito nem violência.

Desvantagens:

  • Alto custo do combustível e manutenção;
  • Alto valor do frete;
  • Limitação na quantidade da carga.

4 – Modal aquaviário

O modal aquaviário ou hidroviário pode ser utilizado para qualquer tipo de volume e oferece grande segurança às cargas. Os contêineres, utilizados principalmente para a importação, transportam as mais diversas mercadorias de um país para o outro.

Embora seja muito utilizado no Brasil, devido à extensão do litoral e à qualidade dos portos, o grande problema do modal aquaviário está na lentidão do transporte. Para utilizá-lo é necessário planejamento e organização dos prazos de entrega dos produtos.

Vantagens:

  • Capacidade de transportar grandes cargas;
  • Baixo risco de dano nas mercadorias;
  • Percorre longas distâncias;
  • Baixo custo de carregamento.

Desvantagens:

  • Transporte lento;
  • Alto custo no seguro das cargas;
  • Burocracia no desembaraço das mercadorias.

Decisão personalizada e assertiva

Agora que você já conhece um pouco dos principais modais de transporte de carga do Brasil é importante se organizar para evitar gastos necessários. Um planejamento personalizado e assertivo pode fazer a diferença no resultado dos seus negócios.

A Broker Comex pode te auxiliar neste processo, apresentando os principais pontos a serem levados em conta ao realizar o envio ou importar mercadorias.

Entre em contato com um dos nossos especialistas. Estamos prontos para ajudá-lo!